“Ainda que me abandonem pai e mãe, o Senhor me acolherá”

(Salmos 27:10)

A experiência de ser abandonado é bastante traumática para qualquer pessoa. Infelizmente, em alguma medida, a maioria das pessoas já vivenciou alguma forma de abandono.

Há o abandono social, condição em que muitos menores de rua, pessoas com deficiência ou sem abrigos vivem; o abandono parental, quando os filhos são abandonados pelos pais; o abandono familiar ou nos relacionamentos, quando o cônjuge, noivo ou namorado se afasta sem se importar com a outra parte. Há ainda o abandono emocional, quando existe o sentimento de rejeição ou de afastamento daquele que se importava.

Qualquer que seja o tipo e, se é essa ou vier a ser a sua condição, lembre-se que Deus é aquele que te acolhe em qualquer situação. Jesus Cristo conhece a sua dor, pois Ele também foi rejeitado, foi humilhado e traído pelos seus amigos mais chegados. Ele sofreu a terrível dor do abandono do Pai, na cruz, por mim e por você, por causa do nosso pecado.

Cristo suportou toda a dor, para que hoje nós pudéssemos ser amparados e reconciliados com Deus, o Pai celestial. Por isso, não importa o que te aconteceu, Deus te ama muito e quer te acolher. Basta nele crer!

Receba o amparo de Deus, hoje mesmo e sempre!

  • – Ore e coloque perante Jesus Cristo a dor do abandono que você sofreu.
  • – Procure conforto em Deus, através da leitura da Bíblia, da oração e da comunhão numa igreja séria.
  • Se houve falhas ou traição, peça a Deus que te perdoe e que te ajude a perdoar.
  • – Partilhe com uma pessoa mais maduro na fé e de sua confiança, a sua experiência e peça ajuda em oração.
  • Quem o abandonou está perdendo a oportunidade de conviver com alguém muito especial… Limpe o coração de toda amargura e se alegre no amor de Deus!
  • Ter sido rejeitado não te torna uma pessoa inferior ou sem valor. Reconheça o amor de Deus e o sacrifício de Cristo por você. Essa graça o torna muito precioso para o Senhor! 

OREMOS:

Senhor Deus, ajuda-me porque fui abandonado e me sinto sozinho. Pai, cura e restaura o meu coração que foi entristecido pela rejeição. Ajuda-me a não me fechar para a vida por causa das más experiências que vivi no passado. Renova a minha fé, esperança e amor. Obrigado porque aprendo na tua Palavra que o Senhor me ama e jamais me abandonará. Segura-me em tuas mãos e caminha comigo neste dia. Em nome de Jesus, amém!