Foz do Iguaçu: POSTAGEM DE EX-SECRETÁRIO DE SAÚDE SOBRE MORTES NO HOSPITAL MUNICIPAL GERA PEDIDO DE INVESTIGAÇÃO DO MP NO HOSPITAL

Chega de Matar”. A Comissão de Saúde da Câmara Municipal de Foz do Iguaçu se reunirá para discutir postagem do Dr Luiz Zarpelon sobre atendimento no Hospital Município de Foz do Iguaçu. Ministério Público também foi acionado para investigar mortes no Hospital Germano Lauck.


O médico cardiol
ogista, Luis Fernando Boff Zarpelon, ex-secretário de Saúde de Foz do Iguaçu (foto ao lado), usou seu perfil no WhatsApp no fim de semana para informar que levaria a conhecimento do Conselho Regional de Medicina (CRM) a questão do alto número de mortes no Hospital Municipal Padre Germano Lauck. A postagem de Zarpelon rapidamente “viralizou” entre os iguaçuenses nas Redes Sociais.

Este caso é uma emergência. A direção do hospital passou dos limites. Segunda-feira levarei o diretor-técnico ao CRM e o diretor-presidente ao MP (Ministério Público), Chega de matar pacientes”, reclamou em grupo do Zarpelon em uma de suas postagens.

Pedido de investigação do MP

Deputado estadual Soldado Fruet (PROS), que encaminhou um ofício ao titular da 9ª Promotoria de Justiça pedindo providências sobre mortes e possíveis irregularidades no Hospital Municipal de Foz do Iguaçu

Em razão das postagens em Redes Sociais do ex-secretário de Saúde, Luis Zarpelon, o deputado estadual Soldado Fruet (PROS) encaminhou um ofício ao titular da 9ª Promotoria de Justiça de Foz do Iguaçu, Luís Marcelo Mafra Bernardes da Silva, requerendo a abertura de sindicância ou, conforme entendimento do promotor, de inquérito civil público para averiguar as denúncias de Zarpelon, que conjecturam que mortes estão acontecendo no Hospital Municipal por suposta negligência da diretoria atual.

“Apesar desta afirmação ter ocorrido em um ambiente eletrônico privado de comunicação, as denúncias merecem melhor aprofundamento, já que dizem respeito à vida da população iguaçuense, que deve ser protegida.”, explicou o Soldado Fruet. O deputado ressaltou que a equipe técnica do Hospital Municipal Padre é formada também por muitos profissionais competentes “e que não merecem ter seu prestígio perante a sociedade maculado.”. Por este motivo, considera fundamental que o Ministério Público (MP) abra um procedimento capaz de esclarecer as graves informações do Zarpelon.


No ofício ao promotor, o deputado anexou o
s “prints” de uma conversa de Whastapp de Zarpelon com o corpo clínico do hospital e o link de uma notícia sobre o tema veiculada em rede social. De acordo com um dos “prints” reproduzido pela imprensa, ele disse aos colegas: “O cirurgião tendo que brigar para operar um doente que precisa. Onde vcs querem levar o hospital? Esse hospital não pertence à direção. Ele é do município e existe para atender as pessoas.”., escreveu na Redes Sociais o renomado pneumologista de Foz do Iguaçu.


O pedido do Soldado Fruet é que o MP aprofunde as investigações e esclareça à sociedade acerca da ocorrência ou não de crimes porventura cometidos por servidores públicos lotados no Hospital Municipal Padre Germano Lauck. Segundo o deputado,
“o objetivo da solicitação ao MP é individualizar eventuais condutas ilegais e, consequentemente, afastar e responsabilizar qualquer um que atente contra a vida da população de Foz do Iguaçu”.


Comissão de Saúde da Câmara

Nesta terça-feira (11), a Comissão Permanente de Saúde da Câmara Municipal de Foz do Iguaçu, presidida pelo vereador Valdir de Souza – Maninho (PSC), se reunirá para avaliar o teor das postagens do ex-secretário Luis Zarpelon, que também é professor do curso de Medicina na Universidade Federal da Integração Latino- americana – UNILA. A reunião da Comissão de Saúde se iniciará as 9h.

Precisamos ouvir maiores detalhes do Dr. Zarpelon, sobre os problemas no Hospital Municipal, conforme ele relatou no WhatsApp. O Dr. Zarpelon tem todo o nosso respeito e merece nossa atenção. Para isso convoquei os demais membros da Comissão de Saúde. Creio que precisamos convidar o Dr. Zaperlon para se reunir conosco na Comissão, mas, primeiramente, é necessário ouvir os demais membros para deliberarmos sobre a pauta de nossos trabalhos nesta questão específica. Certamente ouviremos todas as partes envolvidas na situação e tomaremos as medidas cabíveis.”, disse com exclusividade o vereador Maninho ao O IGUASSU.

Comissão Permanente de Saúde

(Da Redação do O IGUASSU)

Seja o Primeiro a comentar on "Foz do Iguaçu: POSTAGEM DE EX-SECRETÁRIO DE SAÚDE SOBRE MORTES NO HOSPITAL MUNICIPAL GERA PEDIDO DE INVESTIGAÇÃO DO MP NO HOSPITAL"

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.


*


%d blogueiros gostam disto: