Pandemia: FUNDADOR DO PCC E RESPONSÁVEL POR UMA DAS MAIORES REBELIÕES DA HISTÓRIA DO PARANÁ MORRE POR COVID-19

O presidiário José Márcio Felício, 60, o Geleião, um dos fundadores da facção criminosa PCC morreu na manhã desta segunda (10) no Centro Hospitalar do Sistema Penitenciário, em São Paulo, por complicações da Covid-19.

Geleião era o último dos fundadores do grupo ainda vivo e, desde 2002, havia se tornado inimigo facção, liderada atualmente, segundo a polícia, por Marco Camacho, o Marcola.

Ele foi responsável por uma das mais violentas rebeliões do Paraná. Foi na Penitenciária Central do Estado (PCE), em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, em 2001. A rebelião envolveu 300 presos, 25 reféns e acabou na morte de três presos e um agente penitenciário.

Hipertenso, ele estava no sistema prisional havia mais de 40 anos. Ele foi internado no centro da capital em 9 de abril após ter o pulmão comprometido em 50% e inspirava cuidados. O quadro dele se agravou, foi intubado, mas acabou morrendo às 6h30.

(Da Redação com Bem Paraná)

leave a reply